O tal do efeito sanfona- capítulo 1


Este é o primeiro capítulo desta etapa super importante ok!

Está aí o que eu considero um dos maiores vilões da beleza: o efeito SANFONA.

Engorda, emagrece, engorda de novo.

Kelly Osbourne que o diga.

A britânica filha do roqueiro sempre esteve acima do peso, ora mais gordinha ora mais menos gordinha, mas sempre lutando contra a balança. Até que ano passado ela participou do famoso Dancing With the Stars– competição em que “celebridades” dançam com profissionais e competem pelo primeiro lugar. Com o treino super intenso (várias horas de dança ao dia) e acompanhamento de perto do seu parceiro ela conseguiu emagrecer e ficou com o corpo super em forma saindo até de biquíni em capas de revista.

Ela permaneceu assim por bons meses mas recentemente vi em um site americano que o cenário está voltando e ela aparentemente ganhou alguns quilinhos.

Oprah, Jessica Simpson e Mariah Carey também são alguns dos exemplos:

É o tal efeito sanfona. Esse mal é super comum, vários pacientes passam por ele e acredito ser super importante você aprender a controlar seu peso e dieta para evitar esse emagrece-engorda-emagrece-engorda.

Se você sempre lutou contra a balança, precisa se atentar a ele para conseguir ter bons resultados na dieta, pois uma das suas ações é dificultar o processo de perda de peso. Acontece mais ou menos assim:

Temos uma TAXA METABÓLICA DE REPOUSO ou BASAL (TMR OU TMB) e é ela quem determina em grande parte o emagrecimento. A TMR é medida em calorias e mostra quanto você gasta no seu dia a dia para sobreviver. Ou seja é aquela taxa para suas funções vitais -respirar, circulação sanguínea, dormir e repousar.

Além disso temos a taxa de GASTO ENERGÉTICO TOTAL (GET) que aí sim é o quanto consumimos de calorias com todas as atividades do dia a dia: dirigir, caminhar, trabalhar, malhar etc.

Mulheres consomem em média 1500, 1700 calorias ao dia enquanto homens chegam a gastar 2300 calorias mais ou menos.

Assim, começamos a fazer uma dieta sempre com menos do que essas calorias (as famosas 1200 calorias das dietas por ai por exemplo…). Com esse déficit calórico, o organismo começa a consumir as gordurinhas para transformá-las em calorias e assim suprir essa necessidade.

Mas….aí vem o “pepino”. Com o tempo, nosso organismo, com sua super capacidade de adaptação, começa a se acostumar com essas calorias e a TMB abaixa…ou seja ao invés de precisarmos de 1500 calorias para sobreviver, agora precisamos de apenas 1300.

Grosseiramente falando, é MAIS OU MENOS ASSIM:

Com isso, a dieta com aquele valor calórico inicial começa a não fazer tanto efeito. E se você desistir da dieta ou cometer deslizes, vai engordar. Só que aí vem o “segundo-pepino”, você engorda mas seu metabolismo ainda está mais baixo por um tempo…e olha que bola de neve: você pode voltar a fazer dieta e será mais difícil de emagrecer!

O segredo para isso não ocorrer? Esse eu conto no próximo capítulo! rsrs

Anúncios
Esse post foi publicado em Dia a dia e marcado , , . Guardar link permanente.

10 respostas para O tal do efeito sanfona- capítulo 1

  1. Paula disse:

    Eu querooooo saber a continuação!!!! To curiosaaaa!!

  2. Daiana disse:

    Amo o q vc escreve Carol…Gostaria de um dica…p não engordar…pois estava da Dukan…
    Geralmente meu café da manhã são 2 fatias de pão integral (desses light) com sementes e tal com café com leite, 1 fatia de branquet e 1 de queijo light.
    No meio da manhã como uma fruta (bergamota) por exemplo.
    Meu almoço são 2 colheres de arroz, uma de feijão, salada verde, tomate ou cenoura, e um frango ou moranga, um ovo, depende…
    A tarde como um iogurte natural (com adoçante) ou uma maçã.
    E a noite repito o almoço ou o café da manhã.
    Será q estou fazendo errado?

  3. Daiana disse:

    Vou tomar esta sopa 2 vezes na semana sim…Q bom q estarei fazendo tudo certinho Carol…sabe o q é, estou me sentindo mt mal fazendo a fase 3 da dukan, foram 18 dias, apenas com proteínas e pouca salada…
    …Hj estou com 56,2Kg, e muito satisfeita…
    …Parabéns, por “nos” incentivar tanto e pelo blog MA-RA-VI-LHO-SO.
    Bjão!

  4. Daiana disse:

    Outra coisinha, posso ao invés de jantar uma carne com salada, comer 2 fatias de pão integral com café com leite? As calorias são de muita diferença?
    Bjão!

  5. Pingback: Entendendo o efeito platô (plateau) | saboridades

  6. Pingback: A dieta detox da Oprah | saboridades

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s